13 de novembro de 2017

13/11/2017

O dia de hoje possui dois significados, como uma via de mão dupla, e consequentemente, como um relacionamento deve ser. Talvez, essa seja a maior lição que a vida se propôs a me ensinar, e nessa jornada que não foi fácil, eu tive acesso a muitas informações que hoje percebo que não foram por acaso, e ouso deixar compartilhado aqui, o que foi talvez a mensagem mais significativa que tive.

“O amor não é quem você está esperando. O amor não é o que você pode prever.”

“O amor chega exatamente quando ele deveria, e o amor sai exatamente quando ele deve.”

Estamos aqui para aprender. E nada é por acaso. 


Obrigada pela visita!






31 de outubro de 2017

Definição pessoal de Halloween;

Image result for a nightmare on elm street gifs


Pesadelo não é estar diante de quem já se foi,
E sim estar com alguém que propaga a tua morte com as próprias mãos,
As mesmas que seguram teu rosto num beijo apaixonado,
Apertam-lhe o pescoço buscando submissão.

Por isso já não temo mais nada,
Nem mesmo o mais elaborado dos sustos se compara
Ao terror de estar acoplada
A alguém que aos poucos te mutila e acovarda.

Por isso repito,
Que pesadelo não é estar diante de quem por algum motivo pode já ter partido,
Prefiro mil vezes uma alma penada a me assombrar,
Que mais uma vez seus olhos frios ter de encarar.

Esse dia das bruxas é pra você.

18 de outubro de 2017

Ora, também sei que sou egoísta.
No escuro do cinema, quando suas mãos passeiam entre minhas pernas
Não sei dizer se desejo a ti
Ou a mim
Por conta da ânsia de sentir os escorrer das sensações.

25 de setembro de 2017

Procura-se;

É sábado,
Deito na cama e abro o livro
Movimento rotineiro
Aparentemente inofensivo
Que esconde o desespero
Folhei as páginas escritas por terceiros
A procura do meu eu foragido.

21 de setembro de 2017

Naufrágio;

Quando transborda a saudade
Me afogo em poesia
Único bote que pode me salvar
Do maremoto que era você.

9 de agosto de 2017

Ruína;



A gente já sabia.
Já dizia nossa razão
Que nosso santo não batia

Mas teimoso como és
Otimista como sou
Tampamos o tal sol com a emoção

O castigo veio a galope
O sofrimento como lição

A insistência ás vezes
É inimiga da razão.

Deixo aqui meu adeus.

27 de julho de 2017

E todas as vezes que a vida
As pessoas
Duvidarem de você,
Mostre a elas que tu pode,
Que seu santo é forte,
E não está aqui de brincadeira.

がんばってね!